Odontologia Integrativa: como os dentistas estão usando a Ozonioterapia?

A Ozonioterapia é liberada na odontologia desde 2015, mas você sabe como os dentistas estão utilizando? Veja no artigo de hoje!
odontologia

Há muito tempo a odontologia saiu da posição de apenas cuidar da Saúde Estética do sorriso dos seus pacientes. Atualmente, o cirurgião-dentista pode atuar na saúde integral das pessoas, fazendo uso de práticas integrativas, como a Ozonioterapia. 

É através dessas descobertas que é possível trabalhar no tratamento de diversas doenças. E a Ozonioterapia, técnica que tem por finalidade injetar um gás formado por oxigênio e ozônio ou através de água e óleos, têm mostrado grande eficiência na odontologia. 

Vamos entender um pouco mais sobre a Ozonioterapia na odontologia? Continue lendo e veja como ela está sendo usada. 😉

Benefícios da Ozonioterapia na Odontologia

A ozonioterapia traz inúmeros benefícios para o corpo humano, independentemente do local aplicado. Por exemplo, o gás pode estimular o colágeno e trabalhar no crescimento capilar, no sistema imunológico debilitado, no tratamento de doenças autoimune como esclerose múltipla, reumatoide e artrite, entre outros. 

Mas além desses benefícios, desde 2015 a ozonioterapia é muito bem-vinda também nos consultórios odontológicos. Nesta área, como dito acima, a forma mais utilizada é a dissolução do gás em água e óleos, pois aplicar a substância nessa área diretamente como gás pode ser irritante para o paciente, uma vez que caso seja inalado pode causar sérios danos ao pulmão. 

De acordo com a Resolução CFO N° 166/2015, no Art. 1, parágrafo 2, “na prática odontológica, o ozônio tem sido proposto como uma alternativa antisséptica, graças à potente ação antimicrobiana. As novas estratégias terapêuticas para um tratamento da infecção e inflamação levam em consideração não apenas o poder antimicrobiano das substâncias utilizadas, mas também a influência que esta exerce sobre a resposta imune do paciente.”

Como os dentistas estão utilizando a Ozonioterapia?

Devido à série de benefícios para a saúde e praticidade que o Ozônio traz, cada vez mais os estudos acerca da ozonioterapia cresce no País. De modo que amplia a gama de aplicações do gás na área da Odontologia. Entre os tratamentos, estão: 

  • Prótese dentária
  • Tratamento de cáries, ação antimicrobiana, hipersensibilidades e em cirurgias
  • Implantodontia
  • Periodontia e Peri-implantite
  • Osteonecrose, osteorradionecrose, mucosite oral
  • Endodontia
  • Dores orofaciais
  • Harmonização Horafacial
  • Imunologia e doenças autoimunes 

Mas claro, a aplicação da ozonioterapia é voltada apenas para profissionais especialistas, muito bem capacitados e que sabem exatamente a melhor forma de utilizá-lo.

Os benefícios que o método pode trazer ao paciente só terá efeito se for realizado por um profissional que tenha total domínio da técnica, pois toda atenção e dedicação é pouco quando queremos que o tratamento seja efetivo. 

Para isso, é necessário que o cirurgião-dentista faça uma especialização em ozonioterapia. 

Qualificação e Capacitação do dentista na Ozonioterapia

A qualificação é essencial para qualquer profissional que deseja se especializar além da sua graduação. Para um cirurgião-dentista, não é diferente. A formação nos traz a base e diversas vertentes dos caminhos possíveis para seguir carreira, mas quando você escolhe a técnica que deseja dominar e ser especialista, é preciso ir atrás de um curso. 

Além disso, de acordo com o Art. 3 da Resolução CFO 166/2015, que regulamenta a atuação do dentista na Ozonioterapia, o profissional graduado em Odontologia deve, além de ser registrado no Conselho Regional de Odontologia de sua  jurisdição, é necessário ter concluído curso de Ozonioterapia com, no mínimo, 32 horas/aula de carga horária. 

Além disso, a Instituição de Ensino Superior que ministrou o curso e certificou o profissional, precisa estar credenciada no Ministério da Educação. 

O Curso de Ozonioterapia oferta as 32 horas necessárias para que você seja habilitado na técnica. O nível para os dentistas que realizam este curso é de Extensão Universitária e o modelo de ensino é híbrido: com aulas teóricas online e as práticas presenciais.

Não deixe de se tornar cada vez mais um profissional completo no mercado. Para o cirurgião-dentista, a Saúde Estética e Integrativa podem alavancar o nível dos seus atendimentos e da sua carreira. 😉

E você, já pensou em se especializar em Ozonioterapia? Conta pra gente nos comentários abaixo. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2010-. Portal da Odontologia Estética.