Skip to main content

Cirurgiã-dentista vem de outro país para se especializar com qualidade em referência de HOF

Durante conversa com a pós-graduanda Fabíola Acevedo, ela nos contou como está sendo sua experiência estudando no Brasil, país que escolheu por identificar como referência de HOF.

Tivemos a oportunidade de conversar com esta cirurgiã-dentista durante a primeira vivência clínica da qual participou, e não poderíamos deixar essa oportunidade passar, porque a pós-graduanda em questão vem de longe para ter contato com pacientes reais, colegas e docentes, vem para o Brasil por ver o país como referência de HOF.

O Brasil como referência de HOF

Fabíola Acevedo é peruana, e encontrou no Brasil uma oportunidade para se especializar com qualidade em HOF (Harmonização Orofacial e Cirúrgica), já que tem a visão do país como uma referência na área.

Entre os colegas de profissão, ela comenta que: A maioria dos dentistas que querem focar em procedimentos estéticos vêm ao Brasil estudar, porque aqui é bem mais completo. Então, pouco a pouco mais profissionais estão vindo para cá para se tornarem especialistas em harmonização orofacial.

Harmonização Orofacial para mudar a vida das pessoas

E essa vontade de se tornar uma especialista dedicada à estética vem do mesmo direcionamento que a fez escolher a Odontologia como formação: vem da percepção de como a aparência muda as pessoas profundamente, desde de sua confiança para conseguir se expressar, sorrir e não se sentir retraído diante de características que incomodam pessoalmente.

“Então, para mim é maravilhoso, como o dentista/ odontologista pode mudar não apenas o sorriso, mas também a vida de uma pessoa, porque ficam mais seguros de si, porque passam a gostar de sorrir, e isso torna uma pessoa mais bonita, mais cheia de luz e de brilho.”

Atualmente, a Dra Fabíola trabalha como dentista clínica geral, mas está em busca de estabelecer a própria clínica em seu país, onde deseja se dedicar exclusivamente à estética, que passa, segundo sua observação diante do mercado, por um boom no Peru.

Tamanha é sua confiança neste setor e na vontade de atuar com procedimentos estéticos, que este é o primeiro curso de especialização em que a cirurgião-dentista resolveu apostar.

A experiência na pós-graduação

A modalidade da pós em Harmonização Orofacial faz toda a diferença para que Fabíola possa estar realizando o curso, já que a parte teórica é ministrada de forma presencial síncrona, método que permite interagir com colegas e docentes, tendo essa experiência completa sem precisar se deslocar.

Quanto à barreira linguística? Quando perguntada sobre como estava sendo a experiência nesse sentido, se havia alguma dificuldade, Fabíola relatou muita tranquilidade durante as aulas, e um constante cuidado dos docentes, sempre procurando falar com calma e repetir informações de outra forma se necessário.

Durante a entrevista, que você pode conferir na íntegra a seguir, Fabíola relata um pouco sobre como tem sido sua experiência.

Ela quer transformar faces com a harmonização orofacial no Peru – Dra. Fabíola Acevedo #odontologia

Como é uma carreira internacional na estética

Saber sobre as possibilidades de atuação em diferentes países é uma dúvida frequente entre muitos profissionais da saúde que desejam se especializar e construir uma carreira internacional, mas esta é mesmo uma realidade possível, que cada vez mais profissionais têm alcançado.

Seja por ser de um outro país, seja por ter se mudado para outro país devido a circunstâncias da vida, e querer nesta situação continuar exercendo a própria formação, ou mesmo pela vontade de começar uma vida nova em outro país, sabemos que é possível alcançar esses objetivos.

E, além da Fabíola, temos exemplos de outras profissionais da saúde a se estabelecerem internacionalmente na estética com louvor, se tornando grandes exemplos, modelos verdadeiramente inspiradores para outros profissionais da saúde.

Um desses exemplos é a fisioterapeuta esteta Bruna Pietta Lopes, que se mudou para Portugal com sua família, e conseguiu conciliar maternidade e especialização em Fisioterapia Dermatofuncional, buscando se tornar uma referência na saúde estética no novo país.

Já a biomédica Phamela Priscila Bezerra conquistou seu espaço em Dublin, capital da Irlanda. A Dra Phamela estabeleceu própria clínica na cidade europeia, além do reconhecimento através de premiação.

Odontologista assim como Fabíola, a Dra Sandra Figueiredo trilhou uma carreira internacional voltada ao meio acadêmico. Especialista em Reabilitação Orofuncional e em harmonização facial, ela foi convidada a ministrar nada mais nada menos que uma curso na Harvard Medical School.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *