Como diz o ditado: “o sorriso é o nosso cartão de visita” 

Estudos revelam que a aparência faz diferença na carreira profissional, e o sorriso é um componente chave para a beleza facial. A beleza de uma pessoa influencia o ambiente ao seu redor. É o que defendem algumas pesquisas realizadas nos Estados Unidos.

Essa resposta faz parte do comportamento humano e tem sido estudado o seu impacto no desenvolvimento profissional das pessoas.

Segundo pesquisa realizada com profissionais de recursos humanos nos Estados Unidos, um candidato “qualificado, mas feio” teria problemas em conseguir emprego para 57% dos recrutadores que participaram do estudo.

Outra pesquisa, realizada nos Estados Unidos e no Canadá. revela ainda que os homens considerados de boa aparência tendem a receber um salário entre 14% e 27% e as mulheres entre 12% e 20% mais alto do que os demais.

Ou seja, o cuidado com a aparência vai além da vaidade e realização pessoal.

Estudos antigos, baseado na psicologia e comportamento social já indicavam, desde os anos 70, o que os cientistas chamam de “efeito aura”, o qual daria às pessoas bonitas o poder de influenciar as pessoas positivamente.

De acordo com os resultados, a uma pessoa bonita atribui-se características como: inteligência, caráter e liderança.

E, ainda que esses estudos não consigam mensurar quantitativamente e comprovar de forma mais concreta o impacto disso na vida profissional, esse é um fator que não pode ser ignorado.

Em paralelo, percebe-se um movimento social em busca, se não da beleza, pelo menos da harmonia facial para a realização pessoal.

A influência do sorriso na carreira profissional

A busca pela beleza passa inevitavelmente pela harmonia do sorriso. Segundo um estudo realizado em Goiânia, 66,8% dos participantes da pesquisa relacionaram a oportunidade de crescimento profissional devido ao sorriso, simpatia e bom-humor.

O avanço na tecnologia para a odontologia certamente contribui para resultados como esse. Hoje, além dos tratamentos convencionais, como ortodontia, próteses e implantes, os dentistas têm uma série de especializações que permitem modificar características da face, seja com o aperfeiçoamento dos dentes com as lentes de contato dental e facetas de porcelana, ou o uso de toxina botulínica, por exemplo.

A procura pelos procedimentos estéticos tem levado muitos pacientes às clínicas. O paciente passa por uma avaliação, as necessidades são identificadas e então é apresentado o tratamento mais adequado.

Muito mais do que um sorriso harmonioso, os pacientes saem mais felizes e autoconfiantes do consultório. O que talvez indique um ponto quase não mencionado nas pesquisas, que a autoconfiança seja um fator determinante no sucesso alcançado.

Talvez seja essa a motivação extra que os deixem mais seguros para buscar seus objetivos, com o humor mais leve, de modo que passam a sorrir mais e atraiam melhores oportunidades.

Gostou do nosso artigo? Então deixe seu comentário aqui em baixo ou nas nossas redes sociais; Vamos responder a todos!

Fonte: VEJA

Deixe aqui seu Comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...
Somos apaixonados pela Odontologia Estética - Página com as últimas notícias da área da Estética Odontologia sobre formação, legislação, eventos, congressos, procedimentos, medicamentos, equipamentos e pesquisas acadêmicas.