Brasileiros não têm hábito de ir ao dentista, diz pesquisa

IBGE revelou que 55,6% da população não visita dentista anualmente O Brasil é um dos países que mais se preocupam com boa forma e estética, não é verdade? Porém, quando o assunto é ir ao dentista para fazer aquele “check up”, a história muda. É que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e […]
dentista pesquisa

IBGE revelou que 55,6% da população não visita dentista anualmente

O Brasil é um dos países que mais se preocupam com boa forma e estética, não é verdade? Porém, quando o assunto é ir ao dentista para fazer aquele “check up”, a história muda. É que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o Ministério da Saúde divulgaram a primeira edição da Pesquisa Nacional de Saúde e com ela veio o choque: cerca de 55,6% dos entrevistados ainda não consulta um dentista anualmente. É isso mesmo, pessoal! Além disso, 41,5% dos participantes acima dos 60 anos já havia perdido todos os seus dentes  Uma realidade dura, mas que pode ser revertida! Todos nós sabemos como são importantes as visitas ao dentista, principalmente para a detecção rápida e prevenção de doenças dentárias. Porém, não é necessário só saber, a população precisa agir e adotar tal prática. Os problemas de saúde bucal causam infecções dentárias, mau hálito, gengivite, periodontite, entre outros.

Outro fato é a interferência na estética dental, pois um sorriso bem conservado é um pré-requisito em diversas oportunidades de trabalho, principalmente em funções de atendimento ao público.

Mas também existem alguns maus hábitos que podem ser evitados, ajudando a manter um sorriso mais saudável e bonito por mais tempo.

Cigarro é um dos grandes vilões

Não há nada de positivo para o corpo humano no tabagismo e para a saúde bucal seus efeitos são extremamente nocivos. A cada cigarro, os dentes e gengivas são diretamente expostos a milhares de componentes tóxicos que prejudicam circulação sanguínea dos tecidos bucais.

Descuidar da escova de dentes

Não adianta escovar os dentes com frequência se a escova não estiver adequada.

Escolha sempre por escova de cabeça pequena que alcancem o fundo da boca com facilidade e sempre com cerdas macias, pois cerdas duras machucam as gengivas.

Guarde a sua escova sempre bem seca em local arejado para evitar que a umidade das cerdas potencialize a proliferação de bactérias e fungos.

Usar palito de dente em vez do fio dental

Os palitos de madeira são muito duros e podem machucar as gengivas. Além disso, só o fio dental é capaz de retirar os menores resíduos de sujeiras entre os dentes. Ele deve ser usado todos os dias e passado entre todos os dentes para evitar a formação da placa bacteriana.

Clareamentos dentais “milagrosos”

Muitos produtos de clareamento dental podem agredir o esmalte dos dentes, comprometendo não só sua integridade, mas também prejudicando sua aparência. Sempre que considerar fazer este tipo de tratamento, consulte um dentista de confiança, de preferência especializado em estética dentária. Já alertamos sobre o perigo do carvão ativado aqui no blog, vocês se lembram? Vale a pena relembrar. Leia mais: Carvão ativado pode clarear os dentes?

Nunca deixe de visitar seu dentista de confiança

Claro que, mesmo com estes cuidados, não podemos ser relaxados e precisamos, sim, visitar o dentista periodicamente. se possível, todo ano.

Por isso, é muito importante manter o contato com um dentista de confiança. Ele poderá te auxiliar sempre que necessário e também lembrá-lo quando for preciso voltar à uma consulta.

Assim, sua saúde bucal fica em dia e você poderá prosseguir com um sorriso lindo e realizando grandes conquistas. 😀

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2012-2021. Portal da Odontologia Estética.